Image not available

Our name is Nextend.

We’re two enthusiastic guys from Hungary.

Our philosophy is to create buzz in the WordPress and Joomla community with our innovative designed, lightweight, impulsive and engaging ideas. We love helping people. Premium quality extensions and plugins! If you are looking for a creative agency then you've come to the right place. Be prepared for Nextend softwares!

Image not available

OR

Meet our

team.

awesome

Tony Stark

CEO

Image not available Image not available
Image not available Image not available

Black Widow

Art Director

Image not available Image not available

The Hulk

Designer

Image not available Image not available

Thor

Developer

Image not available Image not available

Want to meet with us? Have a question?

Find us:

1 St Kalvaria, Gyor

Write us:

O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Call us:

01755 4271 795

Image not available

So much more then before.

And so much less too.

Learn how.

Vazamento de óleo em Candeias expõe desastre da atual política da Petrobrás

Quarta, 13 Junho 2018 12:33

Sindipetro-BA - O vazamento de óleo cru com água produzida, proveniente da estação coletora de Pedra Branca da Petrobrás, na UO-BA, no sábado, 09/06, causou danos ambientais ao atingir o rio São Paulo, o manguezal e a fauna, localizados no município de Candeias.

A denúncia foi feita por pescadores e marisqueiras da região que detectaram a chegada do óleo ao rio e manguezal. De acordo com matéria publicada no jornal A Tarde (11/06), eles temem que a maré leve o óleo para outros locais como a Ilha de Maré, afetando também as comunidades de Madre de Deus e Candeias.

Os diretores do Sindipetro Bahia Gilson Sampaio, Jairo Batista e João Marcos foram ao local do vazamento. Eles culpam a atual gestão da Petrobrás pelo acidente ambiental.

A área onde aconteceu o acidente funcionava em regime de turno ininterrupto (24 horas) com operadores próprios. Após o desligamento em massa desses trabalhadores, a unidade passou a ser operada por empresas terceirizadas em regime de sobreaviso de 12 horas. Com isso, houve a redução e precarização da mão de obra e problemas na manutenção dos dutos.

“O trabalhador próprio da Petrobrás é treinado, tem qualificação para atuar em áreas como essas, por isso, uma atividade fim não deve ser terceirizada”, denunciam os diretores do sindicato, que acreditam ainda que a redução do efetivo mínimo também tem contribuído para os acidentes e incidentes, que se intensificaram em várias unidades da Petrobrás.

A diretoria do Sindipetro Bahia vai continuar acompanhando o desenrolar dos acontecimentos e o trabalho de contenção do óleo já iniciado pelos técnicos da Petrobrás, através do CDA (Centro de Defesa Ambiental).

O sindicato já está agendando reunião com o gerente da OP-CAN para pedir esclarecimentos e tratar sobre a situação.

Avalie este item
(0 votos)

Sede MacaéMacaé

Rua Tenente Rui Lopes Ribeiro, 257 Centro - CEP 27910-330 Telefone: (22) 2765-9550

Sede CamposCampos

Av. 28 de Março, 485 Centro - CEP 28.020-740 Telefone: (22) 2737-4700